A Gravidez Prejudica o Resultado da Cirurgia Plástica?

A gravidez é uma bela etapa da vida e também uma das mais difíceis para as mulheres em qualquer aspecto. Como a quantidade de hormônios é sempre maior nesta época, elas ficam mais estressadas e ao mesmo tempo, muito mais emocionais. Porém, as mudanças estéticas é o que mais deixa as futuras mamães apavoradas. Para melhorar o aspecto do corpo durante e depois da gravidez, a mulheres recorrem as plásticas. Será que a gravidez prejudica o resultado da cirurgia? É o que você vai descobrir neste artigo !

Regiões mais Afetadas Pela Gravidez

Existem milhares de regiões afetadas pela gravidez e que as mulheres desejam melhorar o aspecto o mais rápido possível. Para começar, o seios ficam maiores e no pós gravidez , podem perder aquele aspecto firme que possuía antes. Mesmo assim, o abdômen é o que mais sofre durante a gestação, podendo adquirir aspecto flácido e contrair diversas estrias por causa do esticamento da pele. Além disso, nesta mesma região, pode have rum grande acúmulo de gordura, porque as mulheres tendem a engordar durante a gravidez. Quando o neném nasce, a maioria das mamães possuem uma grande dificuldade de retomar a boa forma e por isso, a melhor maneira, na cabeça de todas elas, é aderir à cirurgia plástica para melhorar o aspectos dos seios e, é claro, da barriga.

no images were found

Cirurgia e Depois Gravidez

Muitas mulheres que já passaram pela cirurgia plástica acabam engravidando depois, seja pela primeira vez ou novamente, até mesmo depois de ter se submetido a tais procedimentos por este motivo. Com isso, diversas dúvidas começam a surgir entre as mentes femininas e elas acabam querendo saber se a gestação pode interferir na plástica de alguma forma, sendo prejudicial ou não.

Plásticas que as Gravidas amam

Para endireitar certas partes do corpo, as cirurgias plásticas mais amadas pelas mulheres são as seguintes:

  • – Lipoaspiração ( Especialmente na Região do Abdômen)
  • – Implantação de Prótese nos Seios
  • – Tratamentos Para Eliminar as Gordurinhas Localizadas
  • – Abdominoplastia

no images were found

Lipoaspiração Pré-Parto

Após um longo tratamento de lipoaspiração, uma mulher deseja engravidar. Logo a barriga começa a crescer e será que todo esse trabalho foi para o ralo? Segundo especialistas e médicos de todo o mundo, é válido engravidar logo após o tratamento estético. O resultado do tratamento mesmo após a gestação vai depender muito dos hábitos da mulher. Ela vai precisar prestar atenção a sua alimentação e a sua rotina. Alguns dos cuidados a serem tomados são: controle do ganho de peso, hidratação da pele durante a gestação, feita de forma diária, e atividade física orientada. Assim  alipo e os seus resultados dificilmente seriam perdidos. Para isso, basta tomar todos os cuidados necessários.

Lipoaspiração Pré-Parto

Lipoaspiração Pré-Parto

Dúvidas Frequentes

No mundo das cirurgia plástica para gravidas, elas querem saber se realmente prejudica ou não. Abaixo, seguem os questionamentos que todas as gestantes possuem quando o assunto é fazer uma plástica, mesmo que ela seja feita antes ou até mesmo após a gravidez.

  • 1. Após o Parto, de Imediato, Existe Alguma Cirurgia que os Especialistas Liberam Para ser Feita?

O ideal mesmo é que a mulher espere e se recupere deste longo período de gestação antes mesmo de iniciar os procedimentos cirúrgicos. Por isso, não é indicado uma plástica logo no momento após dar a luz. É preciso aguardar especialmente o período de amamentação, que não pode ser interrompido por nenhum tratamento estético. O mais indicado é que a mulher procure a cirurgia estética logo após os seus hormônios estarem estabilizados. É muito importante que ela tente voltar ao peso normal antes do procedimento, levando em conta um acompanhamento nutricional e de um endocrinologista.

  • 2. Como Realizar uma Abdominoplastia Pós-Parto?

Para realizar tal tratamento estético afim de corrigir as imperfeições deixadas pela gravidez no abdome, a mulher deve estar bastante saudável e ter retomado o seu peso ideal. Um ginecologista pode aconselhar a mulher, bem como o seu cirurgião plástico. É preciso permitir que os hormônios estejam estabilizados também.

  • 3. Reduzindo Gorduras: Será que a Lipo é a mais Indicada?

Para remodelar o corpo e retirar a gordura localizada de certas áreas da barriga, a lipoaspiração é realmente o tratamento mais eficaz e também o mais procurado pelas mamães. Para quem não desenvolveu tanta flacidez, a lipo pode ser a mais aconselhada pelos especialistas. Porém, se a paciente apresente muita flacidez no abdômen em decorrência dos nove meses de gravidez, o recomendado é a famosa abdominoplastia.

no images were found

  • 4. O Tipo de Parto Influência em Algum Tratamento Estético Cirúrgico?

Segundo médicos especializados, o tipo de parto não influencia na realização da plástica. Porém, se a paciente tem propensão à formação de queloides ou má formação da cicatrização no pós operatório, ela mesma precisa comunicar ao cirurgião plástico. Hoje em dia, com toda a tecnologia que as clínicas possuem, já existem formas bastante avançadas que visam minimizar o aparecimento de queloides no pós operatório.

  • 5. Durante a Gravidez, a Cirurgia é Válida?

Durante os noves meses de gravidez, a mulher não deve procurar nenhum tratamento cirúrgico, pois pode acabar prejudicando a saúde dela e do seu bebê. Opte por estes procedimentos muito antes ou muito depois de ter dado a luz.

  • 6. A Colocação de Prótese Interfere na Amamentação?

Muitas mulheres se perguntam se a aplicação de próteses mamárias afetam a amamentação do bebê. Quanto a isso as mamães podem ficar super tranquilas, já que o silicone não atrapalha em em nada nessas atividades. Porém, para uma aplicação pós parto, é preciso ficar atenta ao grau de flacidez para depois recorrer a estes métodos. Se for necessário, a prótese deverá ser colocada junto com a mamoplastia considerada redutora, para não causar danos estéticos às mamas logo após ou até mesmo antes da amamentação.

no images were found

  • 7. Como a Mulher Grávida Deve Decidir entre Fazer a Cirurgia ou Não?

A decisão em fazer a operação deve partir da própria paciente e não deve conter influências de terceiros como maridos, irmã ou até mesmo amigas. Além disso, ela pode tirar todas as dúvidas com os médicos, cirurgiões ou até mesmo ginecologistas.

Escrito por Jéssica Monteiro da Silva

Gostou? Curta e Compartilhe!

Categoria(s) do artigo:
Informações

Artigos Relacionados


Artigos populares

Comentários

  • estive dia 28 .as 9horas nesta palestra mairsalhova de andre luis ruiz adorei eu nem imaginavaque eu ia passar por cirurgia espiritual porque estou com problemas de saude eu nem pensavaem estar ai neste dia mas sabemos que nossos amigos de luz este3o olhando por nf3s ; minha amiga margarete participou deste encontro me convidou .fiquei muito emocionada ; um dos problemas de saude que tive foi no tunil do carpio pela medicina e os exames confirmdo ne3o teria cura nem cirurgia resolveria eu teria que tomar medicamentos muito forte para dor ressolvi fazer os dois tratamento com a medicina material e espiritual hoje estou curada do tunil do carpio ; fiquei afastada do trabahlo 5 anos ;com o grau avane7ado que estava o meu problema o doutor que cuidou do meu caso disse que ne3o poderia jamais fazer qualquer trabahlo pois ficaria cada ves pior mas ne3o desanimei confiei na medicina da terra e na medicina do ale9m ; fiz mesmo assim a cirurgia com os medicos da terra fzioterapia eu comentava com o fizioterapeutico que eu estava fazendo tambem otratamento espiritual e ele via que estava tendo susseso fiz a cirurgia da mdc da terra apenas no punho direito o medico disse que ne3o adintaria operar outro brae7o porque estava cronico ;; estou contando para vces para dizer que os 2 tratamento hoje estou curada desculpi se falei de mais muita coisas mais me aconteceu e os 2 acompahamento fui vitorioza ; fiquem com deus que os ilumini nesta mie7e3o te3o linda este3o no caminho certo abrae7o isilda mineiros do tite

    Roberto 10 de setembro de 2014 2:28 Responder

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.